Exposição temporária
Brevemente

MNAC - Rua Capelo

entrada: Condições Gerais

.

2017-06-01
2017-08-20
Curadoria: Rui Afonso Santos

LOVE VS POWER?

INFRACÇÕES: LUISA CODER + JOSÉ RUSSEL

O coletivo Infracções, criado em 1987, reunindo os designers Luisa Coder e José Russel, adotou uma postura única, mesmo a nível internacional, numa prática de Design de Produto (ou Anti Produto?) de conteúdo amadurecido e consistentemente político, reivindicativo e utópico.

Uma clara opção política antiliberal de fundo Humanista, a tendência experimentalista e crítica, a postura ética, a ironia, o humor e a recusa de qualquer ortodoxia resultam num trabalho que denuncia o primado do consumo, a fetichização da mercadoria e a Nova Ordem política e económica.

Infracções é herdeiro da proposta conceptual do Movimento Fluxus, fundindo Arte, mesmo performativa, Alta e Baixa Cultura - e Design -, recusando o nacionalismo, exaltando a mitificação do quotidiano, o cómico-grotesco e o binómio fundamentalmente democrático Arte – Vida.

O repescar e redesenhar de objetos «perdidos» da sociedade industrial e pós-industrial denuncia ecos do ready-made duchampiano, aliado a uma certa dimensão estética que reage à ortodoxia tendencialmente totalitária do Modernismo.

Simultaneamente, uma atitude contemplativa e decifradora perante estas obras é requerida ao observador, inscrevendo a dimensão memorialística e temporal na acumulação de parafernália do dia-a-dia que adquire novo significado.

Os sincopados vídeo-clips que explanam o sentido destas obras podem ser dissociados daquelas, esbatendo, em última análise, as fronteiras entre Arte e Design.






Atividades

  • 2017-05-31 19h00
    Inauguração da Exposição Love vs Power
Ver todas as atividades 1